quarta-feira, 9 de novembro de 2011

ZÉ DO MESTRE

ZÉ DO MESTRE

Zé do Mestre nasceu em 1938  no município de Salgueiro, Pernambuco. O famoso Zé do Mestre começou na arte com apenas 6 anos de idade, junto com seu pai Luiz Eugênio Barbosa, o mestre Luiz. Zé fabrica roupa de vaqueiros, confeccionava  a indumentaria de couro de Luiz Gonzaga e tem suas peças exportadas para nove países, entre eles o Canadá, Holanda e EUA. Entre figuras de destaque que tem indumentarias de (roupa de vaqueiro) couro produzidas pelo Zé do Mestre, a presidente Dilma Rousseff, o ex-presidente Lula e o rei Juan Carlos da Espanha. Além de grande artesão Zé do Mestre se considera um ambientalista, amante e defensor da natureza e poeta. Ele reside atualmente no interior de Salgueiro, distante 17 km da sede. 

Uma estrofe de poesia do Mestre: 
"Eu sou vaqueiro afamado de bois das caatingas 
Sou poeta, artesão e ambientalista
Sou irmão do sabiá 
Sou primo do Patativa."   



Fotos do Tuíca e do Zé do Mestre











2 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns, Leal por mais esta matéria, Zé do Meste realmente é uma grande figura da cultura nordestina,que o Estado de Pernambuco tem, Aninha.

João Bosco Alves de Sá disse...

Zé do Mestre é um dos grandes Salgueirenses. Grande artesão, poeta, aboiador, homem simples, honesto, inteligente e cômico.Recordo, quando em determinada ocasião perguntou a mim, alguns irmãos meus e algumas pessoas presentes, se sabiamos porque o político era a pessoa mais religiosa que existia e ele mesmo respondeu: "é porque de cada verba ele tira um terço". João Bosco Alves de Sá - Salgueiro,23.06.13.