terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Cordel na sala de aula

Com o retorno das aulas, o blog Luz de Fifó indica uma obra interessante para professores e demais profissionais da área educacional, interessados em incluir a literatura de cordel na educação de crianças, jovens e adultos:

Acorda Cordel na Sala de Aula - A Literatura Popular como ferramenta auxiliar na Educação, de Arievaldo Viana (2º edição, 2011).

Nesta obra, o autor aborda a origem da literatura de cordel, seu desenvolvimento no Brasil, as regras básicas e até como se constrói uma poesia cordelista. Bastante didático e acessível, o livro ainda traz textos sobre importantes cordelistas brasileiros, como Leandro Gomes de Barros, trechos de alguns cordéis, ilustrações com fotos, desenhos e xilogravuras, e, principalmente, ajuda a tornar o cordel uma ferramenta pedagógica, contribuindo, sobretudo, com a revitalização deste gênero literário.

Segundo Viana há várias maneiras para se trabalhar o Cordel em sala de aula. Ele propõe que, inicialmente, a melhor forma é ler um folheto em voz alta. Primeiro o professor, depois os alunos. “A partir daí, as crianças vão adquirindo intimidade com o texto”, assegura ele. Com mais conhecimento sobre o assunto, os estudantes usarão o Cordel como qualquer outro material paradidático: apresentações teatrais, ilustrações baseadas no texto, questionários, debates sobre os temas apresentados, etc. Outra sugestão do autor é ter um espaço, na escola, dedicado ao Cordel, uma Cordelteca (biblioteca de Cordel). Outra dica: levar poetas, cordelistas e repentistas à escola, para que eles realizem palestras e apresentações, despertando ainda mais nos estudantes o interesse pela literatura popular nordestina.

O Acorda Cordel na Sala de Aula nasceu em 2002, como um projeto de palestras e de apresentações em escolas do Ceará para alunos e professores. A partir daí foi tomando fôlego e ganhando incentivo do poder público para prosseguir difundindo a poesia popular. Hoje, já tem repercussão nacional e Arievaldo segue, pelo Brasil, propondo o cordel dentro das escolas. “Todo mundo se interessa pelo cordel. Todas as faixas etárias aceitam bem a linguagem popular”, ratifica o também cordelista.

Conheça o blog de Arievaldo: http://acordacordel.blogspot.com/
Para adquirir, entre em contato com Andrade: tuicadocordel@gmail.com / (77) 8812 1120 / 9103 2291

Nenhum comentário: